14 junho, 2009

Irmãos

Somos a contradição de nós mesmos.
Nascemos de um mesmo ventre,
mas não é isso que nos une.

Estivemos mais próximos um dia.
Estivemos mais longe no outro.
Hoje estamos onde devemos estar.

Amo-te não por sermos irmãos.
Amo-te não por termos os mesmo pais.
Amo-te não por parecermos iguais,
mas pelo simples fato de sermos alguém.

Quando não tivermos mais nossos pais
nesse mundo que chamamos de vida,
será no seu ombro que vou chorar.
A verdade é que os irmãos são os únicos amigos que nunca vão.

Por Rene Serafim (Seu irmão)

2 comentários:

Gabriel " Bibi" disse...

Sem palavras neste comentário... apenas o arregalo dos olhos, do boca, do sorriso, do coração...

Rene Gonçalves Serafim Silva - "Juninho" disse...

Reticências...