30 agosto, 2009

Além do elo

Quero uma homenagem sincera
Palavras embevecidas por afeto
Gestos conduzidos no encanto
Risos construídos de momentos
Dores percebidas em olhares
Conselhos doados na ternura
Brigas sorteadas por conversas
Distância mantida com saudade
Pensamentos confiados na semelhança
Atos inevitavelmente entendidos
Por seu intento.

A carne cortante por melancolia
A textura e conceito do homem-poeta
Vivo
Intenso
Reservado
Explosivo.

E ainda
Eu quero querer
Parar como uma pedra
Olhando nos olhos
E mostrar o pedaço de sua cor
Em mim.


Por Bibi Serafim

2 comentários:

Rene Gonçalves Serafim Silva - "Juninho" disse...

E além do elo existe o afeto.
E além do elo existe o carinho.
E além do elo existe o inevitável.
E além do elo existe o físico e o metafísico que permeia a irmandade que por ora não se baseia por laços de família.

Gabriel " Bibi" disse...

e é isso de verdade que me faz sentir e dizer...

amo vc